sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Pedro com Mero ao Jigging - Setembro de 2013

É com grande satisfação que vos deixo mais um vídeo do Jigging nos Açores. Como a malta gostou da edição sem música, segue-se a captura de um bonito mero.

 
Os comentários do Cotinha e do grande Peixotossauro tornam o vídeo delicioso, mas eu sou suspeito...



Espero que se divirtam tanto quanto nós no momento... e depois ao revê-lo! :)))))))

Boas pescas!

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Pargo do Cotinha ao Jigging - Setembro de 2013

Tal como prometido, segue-se o Pargo que o Cotinha martelou em Setembro (e vice-versa, como se verá nas imagens! Ahahahahah!). 


Optei por não colocar qualquer música, já que os diálogos espontâneos são o sumo destes vídeos de pura adrenalina.


Em breve mais alguns engraçados...

Abraço e boas pescas!

domingo, 13 de outubro de 2013

Robalos Hotspot e Predadores ao Spinning

Finalmente juntamos a malta (quase) toda dos dois blogues e fomos mandar umas varadas. Só faltou o João Pontes e o Paulo... numa próxima oportunidade esperemos reunir mesmo todos.


O peixe quase que também faltava à chamada! Valeu-nos o mijãozinho de sempre com o seu "xixizinho"! O Ricardo (mais conhecido por Murangu Xixi, voltou a fazer jus ao nome) lá safou a grade colectiva com mais um bonito robalo para a colecção!
O mais importante foi mesmo o convívio que espero que se repita em breve.

Um abraço a todos e os parabéns em dose dupla ao Ricardo, que festeja hoje mais um aninho de vida! 
Saúde!

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

O melhor momento da Viagem de Pesca de Setembro de 2013 - Peixoto parte Lesath

Passo muitos minutos, muitos dias, muitos meses a imaginar novas Viagens de Pesca. Quando finalmente as marcamos e está tudo tratado, parece que o tempo que nos separa do momento tão desejado passa mais lentamente! Muito tempo passado a planear tudo para que nada falhe e para que se possa disfrutar ao máximo de cada instante!
Com tudo isto, as expectativas criadas são quase sempre maiores que os resultados (felizmente, nem sempre) - entenda-se, o que se pesca - e culminam em grandes desilusões! Esta história que vos vou contar, por sinal, não retrata nada disso, muito pelo contrário. Serve apenas para agradecer ao meu Amigo Paulo Peixoto a sua companhia na nossa última viagem de Pesca. 

Para vos contextualizar, este meu grande Amigo, como tenho poucos, já me tinha acompanhado numa primeira aventura piscatória há cerca de 4 ou 5 anos atrás ao Ilhéu das Rolas, em São Tomé e Príncipe. Para baptismo, não podia ter sido pior nos exemplares pescados, mas nem por isso deixamos de saborear com as nossas esposas as paisagens paradisíacas e o tempo Equatorial com águas tépidas, tendo apesar de tudo arrecadado o primeiro lugar num concurso de pesca embarcada - com "uma vara de (peixes) porcos"! Lembraste Paulo? Ahahahahahah! Muita música deste aos outros pescadores com os nossos "porquinhos"! Ahahahahah! Para quem ia na expectativa de experimentar pela primeira vez o material recém comprado de jigging e com o sonho de capturar um pargo luciano, a "vara de porcos" pescada com isco, ao fundo, foi o menos mau...

Seguindo... A segunda vez que desencaminhei o meu Amigo foi para uma pesquinha na Ilha do Faial. A coisa não correu tão mal como em São Tomé, onde o Comandante do barco quando confrontado com a questão pertinente do Paulo acerca do uso do sonar (que se manteve desligado em todas as viagens apesar de lá estar fisicamente) lhe respondeu que não o usava porque "o espélho istava partidu"! No Faial, o espelho funcionava, mas o peixe fugia dele! Ahahahahah! Mesmo assim, foi uma viagem memorável, na companhia do meu Pai, do Rui Urubu e do Rei João - que o diga a mulher do Sr Neves, lembram-se?! Ahahahahahahah!

Ora bem, quem engana o Paulo duas vezes, também engana três! E aí vai ele para a Ilha das Flores (com os nossos Paizões)!



Depois dos dois tiros ao lado, o meu Amigo não levava grandes expectativas, muito pelo contrário. Ele que não é nem nunca foi pescador e que encara esta modalidade lúdica com distância e sem o nosso vício, repetia vezes sem conta os seus chavões habituais, reforçados pelos resultados das duas viagens anteriores: "O Mar é que é grandeeeeeeee!", ou "Olhai os lírios do campo, porque no mar, nem vê-los!" ou "Peixe burro! Peixe que deixa comidinha de lado e que come plástico é mesmo peixe burro"! Ahahahahahah!
Que remédio tinha eu senão ouvi-lo! Até à data, tinha-lhe dado sempre razões para as ladaínhas! Ahahahahahah!
A realidade é que é muito bom ter alguém assim sem o vício da Pesca numa viagem SÓ para PESCAR. Alguém que sabe que vai com Amigos que vão para pescar e que mesmo assim os acompanha, pela companhia, pela partilha, pela Amizade! Alguém que nem liga muito ou mesmo nada à Pesca, mas que vai e que até pesca! Ahahahahah! Graças ao meu Amigo Paulo fizemos muito mais do que pescar e vivemos momentos inesqueciveis, com e sem canas, com e sem peixes! Apesar de ser a minha segunda visita à Ilha das Flores, conheci melhor a Ilha num dia com o Paulo do que em todos os dias na primeira viagem!
Por isto e muito mais, este meu grande, grande Amigo, é daquelas pessoas com quem sou capaz de ir a qualquer lado do Mundo, fazer qualquer coisa, pois sei que me vou divertir sempre!







...Só que desta vez, apesar de (ainda) não termos pescado nenhum lírio (continuamos a olhar para os do campo), fizemos uma pescaria bem engraçada de meros, pargos, anchovas, bicudas, peixes-porco! Tudo ao jigging! Ou quase tudo...
O grande Paulo Peixoto, num dos dias em que estava mais cansado de jigar, resolveu pousar o material de jigging e fazer uns lançamentos na proa com o material mais light de spinning. Já no Faial tinha pescado algumas bicudas, primeiro com isco e depois com amostras - o que o levou a apelida-las de "Peixe-burro"! Enquanto se dirigia para a proa com a Lesath na mão, avisou logo que ia apanhar mais um "peixe-burro"... e não é que não ia demorar nada!!!! Ahahahahahahah! Quem mais sofreu com isso foi a própria Lesath, como vão ver no vídeo que se segue - para mim um dos mais hilariantes de sempre deste blogue! Quando o material multimédia é de qualidade, quanto mais se edita mais se perde e por isso deixei-o na totalidade sem cortes, tal e qual como foi vivido no momento.
Apesar de ter sido uma excelente viagem de Pesca, com alguns exemplares de respeito (eu pesquei um mero que foi o meu maior exemplar de sempre), este é para mim o melhor momento da mesma! 
Para todos os seguidores, mas sobretudo para o grande Paulo Peixoto, segue-se uma Lesath a partir desapaixonadamente e a fazer-nos partir de rir:


"Iiiiiiiiiiiiiiiiihhh meu Deuuuuuuuuuus"! Ahahahahahahah!

Um grande abraço ao meu Amigo e aos nossos Pais!

Boas Pescas!