sexta-feira, 21 de junho de 2013

Dia mais longo do ano ainda mais longo

Em dia de folga o despertador tocou mais cedo do que num dia de trabalho. O motivo era o mesmo de sempre - a pesca. Eram 06:30h da manhã e já fazia os primeiros lançamentos no prometedor raiar do dia, o maior do ano! Desde que mudei de casa que tenho vindo a explorar novos spots na sua proximidade, o que me tem dado muito gozo. Além disso, como tem saído pouco peixe nos últimos meses, as expectativas são baixas e não vale a despesa e perda de tempo de voltar onde já fomos felizes.
Para explorar novos spots nada melhor que a maré vaza e viva, se possível de máquina fotográfica em punho para registar os fundos e caneiros que ficarão submersos nas marés cheias. Fui pescando, percorrendo a praia e nadando entre pedras ilhadas aqui e ali; só isso já me dá muito prazer. A alternância de tipos de artificiais, experiências com diferentes cores e animações mantêm-nos alerta para um qualquer ataque. O primeiro deste dia ocorreu quase aos pés! A lançar de uma pedra ilhada, revestida de percebas e cercada por algas mergulhadas numa água castanha, pensei de início que se tratasse de uma prisão nas algas. O lutador robalo encarregou-se de me provar que estava enganado e que estava ali aos meus pés cheio de coragem! Engraçado que numa mistura de água típica das chuvas do Inverno, com algas características do calor de outros anos por esta altura, se reuniram as condições propícias para desgradar!



O mais dicícil estava feito - mais um spot perto de casa com boas condições e com peixe. Se dúvidas houvesse, no mesmo sítio e com a amostra a passar pelo mesmo caneiro ladeado de laminárias, pesquei o segundo robalo deste início de Verão.
Hei-de lá voltar com toda a certeza, se possível acompanhado, pois uma grande desvantagem desta exploração de novos spots perto de casa é a distância dos meus compinchas. Estou certo que mesmo assim, havemos de lá ir juntos. Até lá, vou explorando a nossa abençoada costa...



Abraço e boas pescas!

11 comentários:

  1. Sempre a engana-los amigo, melhor do que um pontapé nas costas.

    Abração.

    ResponderEliminar
  2. Olá José Pedro,

    O solstício de verão ficou marcado por uma bela jornada com capturas.:)
    O mesmo já não posso eu dizer...mas melhores dias virão?!

    Abraço,

    ResponderEliminar


  3. Grande Zé..:-) Parabéns amigo pela tua persistencia e arte, que te deu dois belos peixes num belo dia de verão..:-)
    Um grande abraço amigo

    Luís Malabar

    ResponderEliminar
  4. Boas amigo!
    Mais uma vez confirmas a regularidade que eu divulgo e que tanto admiro.. safas sempre a tua grade e esse facto é fruto da persistência que te caracteriza.

    Grande abraço amigo!

    Vamo-nos vendo por essa costa fora.

    ResponderEliminar
  5. Boas amigo mais um dia bem passado e com objetivos cumpridos,grande abraço.

    ResponderEliminar
  6. Boas José Pedro,
    Com spots desses perto de casa, para que ir procurar peixe longe, já os amigos é que é pena ficarem longe, uma pesca para ser completa é em boa companhia, fica a promessa de lá voltares mas desta acompanhado!!!
    Um abraço e continua a insistir que vais ter muitas mais alegrias.

    ResponderEliminar
  7. Boas José Pedro,

    Parabéns pelas capturas, com toda a dificuldade em encontrar peixe que por ai vai, ver assim uns peixinhos anima todos nós.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  8. Hola José!
    Enhorabuena por la pareja, encima en casa, vaya alegría saber que donde vives hay pesca. Un saludo

    ResponderEliminar
  9. Boas José,
    Um dia desses marcado com boas capturas cai que nem ginjas...

    Abraço

    ResponderEliminar
  10. Boas José Pedro ;)

    É sempre bom ter uns quintais com peixinho perto de casa.
    Consegues arranjar sempre maneira de tirar uns bons pexinhos mesmo quando a coisa não nada nada fácil , parabéns e continua!

    Abraço!

    ResponderEliminar