quarta-feira, 17 de março de 2010

Queria ter guelras

Por vezes dou por mim durante um período de pesca a imaginar o fundo do mar. Enquanto lanço com afinco e corrico quase mecanicamente, a minha mente vagueia pelas profundezas... Será um fundo rochoso cheio de marisco? Será um fundo arenoso? Será uma zona mista? Por vezes os toques da amostra na pedra desfazem-me algumas dúvidas... outras vezes não...
A verdade é que essa incerteza me entretem. Só quando volto a ver o que os meus olhos me mostram e me abstraio dos locais onde a imaginação me levou, é que me apercebo que pareço um puto a sonhar acordado!

Os meus locais de eleição para pescar têm sempre rocha. Gosto de avançar até onde o Mar me deixa, às vezes (mal) um pouco mais. Sei que o peixe está muitas vezes aos meus pés, como o último que pesquei, mas é assim que gosto de o sentir - bem perto de mim!
Nas muitas incursões que fiz pelos meus pesqueiros habituais nunca tinha pensado em dar uso à máquina fotográfica à prova de água, imergindo-a. Hoje, com um Mar "chão" e águas abertas, acabei por fazê-lo. Ainda bem!

Todos os cenários subaquáticos que ao longo dos tempos fui idealizando, comparados com o que vislumbrei, são como filmes a preto e branco de má qualidade ao lado do melhor filme digital! O fundo do Mar é lindíssimo! Apesar do muito mal que o Homem lhe faz diariamente, resiste poderoso.

Eu que sou (cada vez mais) miupe apesar das lentes, ainda por cima claustrofóbico, nunca me poderia aventurar a praticar mergulho e arriscar-me a ver o que vi graças à minha Fuji FinePix WP. Com os meus pés bem acentes no fundo, mas apenas o pescoço e a cabeça fora de água, fotografei e filmei o que há muito imaginava, sempre por defeito! Nunca imaginei tais cores! Nunca me passou pela cabeça a abundância e a diversidade de vida!

De hoje em diante, quando sonhar acordado durante a pesca, os meus sonhos vão ser bem mais cheios e coloridos!

Só queria ter guelras!


















3 comentários:

  1. És um vaidoso do cacête. Lindas fotos e texto a condizer, como só tu sabes fazer. Grande abraço......Cabé

    ResponderEliminar
  2. Grandes fotos amigos Zé Pedro.

    O mar é bem lindo...

    Abraço.

    ResponderEliminar
  3. É esse o espírito. Gostei do que li e tenho pena de não ter estado aí.

    Abraço

    ResponderEliminar